* As informações deste banco de dados são apenas para pesquisa. Não recomendamos automedicação. Procure sempre um profissional habilitado. *


Urtiga

Urtiga
Nome Popular: Urtiga

Outros nomes: ortiga (espanhol), ortie (francês), stingin g nettle (inglês), ortica comune (italiano), cansanção, urtiga-brava, urtiga-mansa, urtiga-maior, urtigão.

Nome Científico: Urtica dioica L

Família: Urticaceae.

Nomes Botânicos: Urtiga galiopsifolia Wierzb. ex Opiz., Urera baccifera [L.] Gaudich.

Nome Farmacêutico: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Partes Usadas: toda a planta.

Sabor: picante, neutra e refrescante.

Constituintes Químicos: acetilcolina, acetofenona, ácido acético, ácido fórmico, ácidos graxos, ácido ascórbico, betaína, beta-sitosterol, carotenóides, clorofila, escopoletina, flavonóides (glicosídeos da quercetina), fitosterol, glicerol, histamina, lecitina, mucilagem, nicotina, óleos voláteis, quercetina, sais minerais (S, Si, K, Fe, Ca, Na), secretina, serotonina, sitosterol, substâncias histamínicas, taninos, a-tocoferol e violaxantina, vitaminas A, C, B2, B5.

Propriedades Medicinais: adstringente; antioxidante; anti-seborréico; anti-séptico; antiescorbútico; bactericida; depurativo; estimulante; hemostático; hipoglicêmico; revitalizante; revulsivo; tônica; vasoconstritor; tonificante capilar; venotrópico; antiinflamatório; diurético; digestivo; galactagogo; emenagogo; antitérmica; anti-sifilítico; anti-reumático; cicatrizante; antidiarréico; anti-radicais livres; anti-anêmica; anti-diabética; anti-hidrópica.

Indicações (Uso Interno): elimina ácido úrico; anemia; asma; problemas nos brônquios; infecções buco-faríngeas; dores ciáticas; ativa circulação; diabete; dores reumáticas; gota; hemorragias; hiperplasia benigna da próstata; problemas urinários; reumatismo gotoso; úlcera; retenção de líquidos; para edemas de qualquer proveniência (inclusive cardíaca); herpes; queda de cabelos; epistaxe; hematúria; metrorragia; disúria; hidropsia; enurese; quelante de metais pesados; pleurisia; inflamação da garganta; tumores malignos no órgãos sexuais masculinos; cistite; uretrite; litíase renal; tinha; leucorréia; hidrocefalia; ciática; menopausa; obesidade (sementes); úlcera estomacal; varizes.

Indicações (Uso Externo): acnes, feridas e manchas na pele; irritações e queimaduras solares; infecções micóticas da pele; afta; úlceras; escurece os cabelos; para cabelos oleosos; cabelos opacos; caspa; estimula o crescimento capilar e combate a alopecia; queda de cabelos; eczemas; varizes.

Indicações Pediátricas: edema associado à glomerulonefrite ou outras condições com retenção de água e eletrólitos.

Utilizações na MTC: tonifica o Xue em casos de deficiência; elimina toxinas; fortalece o Yin do Fígado; elimina calor do sangue; tonifica o Qi do Baço. Elimina calor do Jiao inferior. Tonifica o Qi do Pulmão e tonifica o Yang do Rim.

Classificação da Erva na MTC: Categoria 12 – Ervas que regulam o sangue ● Categoria 16- Ervas para corrigir deficiências.

Elemento predominante na MTC: Metal.

Atuação nos Canais: F, B, R, P e BP.

Ayurveda (Ação nos doshas): reduz Pitta e Kapha e aumenta Vata.

Rasa: adstringente e picante.

Virya: fria.

Vipaka: picante.

Informações em outros sistemas de saúde: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Aromaterapia: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Floral:FLORAIS DA CALIFÓRNIA - Stinging Nettle - ajuda aqueles que são muito sensíveis a estarem conectados com a terra e com seus sentimentos; ajuda a ancorar e a reconectar -se depois de ter se sentido oprimido ou sobrecarregado pelo excesso de entrada de energia; habilita a pessoa a absorver e processar a informação energética em alinhamento com a própria capacidade de integrá-la; para aqueles que foram profundamente machucados no seu passado e têm uma tendência a ferir e repelir aqueles que eles gostariam que estivessem mais próximos; ajuda a curar a alienação que advém do medo de ser ferido de novo.

Homeopatia: URTICA URENS – para urticária, gota e reumatismo crônicos (todos os anos na mesma época). Para menorragia, leucorréia, prurido vulval com coceira intolerável. Para aumento do volume do seio depois do desmame. Diminuição da secreção láctea, dedos inchados com pruridos. Urticária generalizada com pruridos e ardores agravados por lavar as mãos. Dores reumáticas nas articulações no deltóide direito com urticária. Gota água. Litíase renal antiga; Uricemia. Febre intermitente. T.M geralmente a 3x. COCEIRA – 20 gotas de Dolichos pruriens D3 de 12 em 12 horas alternadas com 20 gotas de Urtica Urens D3 de 12 em 12 horas. MICOSE - 20 gotas de Dolichos pruriens D3 de 12 em 12 horas alternadas com 20 gotas de Urtica Urens D3 de 12 em 12 horas.

Contra-indicações: evitar nos 3 primeiros meses de gravidez; evitar uso externo nos olhos, pele e mucosas; uso interno pode causar vômito e náuseas em pessoas de estômago sensível e em crianças. Algumas pessoas podem ter reações alérgicas.

Interações medicamentosas: inibe a absorção do ferro administrado simultaneamente.

Uso Veterinário: FRANGOS – as folhas frescas de urtiga são muito nutrientes e são benéficas aos frangos quando administradas diariamente com a ração normal. Os animais engordam e a produção de ovos aumenta. CAVALOS – para que estes adquiram um aspecto são e vivaz e que seu pêlo seja suave e brilhante administrar aos animais todos os dias com a ração alguns punhados de urtiga fresca e esmiuçada.

Cultivo:

Planeta regente: Regente – Marte. Associada ao signo de Áries e Escorpião. Utilizada em distúrbios associados ao trânsito de Mercúrio em Escorpião, Marte em Escorpião, Urano em Libra, Plutão em Escorpião. Outra fonte (Wicca - A Feitiçaria Moderna - o livro das ervas, magias e sonhos) dá Vênus como co-regente.

Indicações energéticas ou mágicas: Planta associada a Helios (Sol), Thor - deus do trovão, Apolo - deus da poesia e da música, Oya - deusa dos ventos e das mudanças. Seu uso mágico é destinado a proteção, cura e quebrar encantamentos.

Habitat: é autóctone da América tropical. Cresce espontaneamente em bosques e subosques, prados, a beira de cursos de água e em locais úmidos e sombreados, em reduzido número de indivíduos. É encontrada até 2.400m de altura.

Informações clínicas e/ou científicas: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Descrição botânica: planta arbustiva perene, monóica e dióica, que cresce de 1,5 a 3,0m de altura. O caule é ereto, ramificado, estriado, suculento, vermelho e aculeado na base, embora inerme na parte terminal. Apresenta um rizoma subterrâneo. As folhas são alternas, enrugadas na face ventral, longo-pecioladas, ápice acuminado e base cordada, ovaladas-elípticas, sendo as da base cordiformes, com dentes triangulares, hirsutas, medindo 10 a 20 cm de comprimento por 8 a 15cm de largura, revestida de pêlos urticantes sobre as nervuras, pecíolos e sobre cada ruga ventral. Inflorescência em cimas escorpióides, dispostas em ramos carnosos e róseos. As flores masculinas são globosas, róseo-claras, minúsculas (2 mm de diâmetro). As flores femininas são globosas, com perigônio carnoso, ovário súpero e estigma em forma de pincel. Fruto tipo núcula, ovóide, comprimida, assimétrica, castanho quando maturo, medindo 2 mm de diâmetro e contendo uma semente com forma e tamanho semelhante à núcula.

Toxicidade: não apresenta toxicidade.

Colaboradores: RODRIGO SILVEIRA - consultor em fitoterapia, professor e criador do ERVANARIUM • http://www.ervanarium.com.br/profissional/8/rodrigo-silveira

Observações: deve haver cuidado na manipulação da planta fresca por seu efeito urticante que pode provocar queimaduras e irritações cutâneas. O efeito urticante desaparece após decocção.

Fontes de pesquisa: http://www.plantamed.com.br/ • http://www.essenciasflorais.com.br/stinging-nettle/ • ITF - Índice Terapêutico Fitoterápico - EPUB • Plantas Medicinais - François Balmé - Ed. Hemus • Higiene e Tratamento Homeopático das Doenças Domésticas - Dr. Alberto Seabra - Associação Brasileira de Homeopatia • A astrologia da Mãe-Terra - Márcia Starck - Pensamento • As plantas e os planetas - Ana Bandeira de Carvalho - Ed. Nova Era • Florais do Mundo - Nei Naiff - Nova Era • Ervas do Sítio - Rosy L. Bornhausen - Bel Comunicação • Fitogeografia Amazônica- Fernando Castro da Cruz - Ed. Palpite • The Green Wiccan Herbal - Silja - Cico Books





REDES SOCIAIS

ERVANARIUM
contato@ervanarium.com.br




© Copyright 2013 - Todos os direitos reservados à Ervanarium