* As informações deste banco de dados são apenas para pesquisa. Não recomendamos automedicação. Procure sempre um profissional habilitado. *


Bardana

Bardana
Nome Popular: Bardana

Outros nomes: baldrana, bardana-maior, carrapicho-de-carneiro, carrapicho-grande, erva-dos-pega-massos, erva-dos-tinhosos, gobô, labaca, lapa, orelha-de-gigante, pega-nossa, pegamassa, pegamasso, pegamaço-maior, pegamoço, pejamaço, perga-masso; arctii lappae (latim); burdock (inglês); bardana (espanhol); bardane (francês); bardana maggiore, lapp bardana e lappola (italiano); große klette (alemão).

Nome Científico: Arctium lappa L.

Família:

Nomes Botânicos: Arctium chaorum Klok., Arctium lappa subsp. Majus Arènes, Arctium leiospermum Juz. Et al., Arctium majus (Gaertn.) Bernh., Lappa major Gaertn., Lappa vulgaris Hill.

Nome Farmacêutico: Radix Arctii.

Partes Usadas: raiz, folhas, sementes, flores secas e fruto.

Sabor: amarga, picante, adstringente e fria.

Constituintes Químicos: acetado de diidrofuquinona; ácido caféico, ácido clorogênico, ácidos orgânicos; ácidos graxos; ácido arético, ácido tânico, antibiótico (semelhante à penicilina); arctiina, arctinona, articol; arctiopricina, benzaldeído, carbonato de potássio; -eudesmol; fenil-acetaldeído, fitosteróis (sitosterol e stigmasterol); fuquinona; inulina; lapina; lapolina; mucilagens; nitrato de potássio; palmitato de diidrofuquinona; gobosterina, polifénois; resina; sais minerais; taraxasterol; - RAIZ: proteínas, glicídios, fibras, cálcio, fósforo, ferro, vitamina A, B1, riboflavina, niacina e vitamina C.

Propriedades Medicinais: antiescorbútico; antiinflamatório; antimicrobiano; antineoplásico; anti-seborréico; anti-séptico; bactericida; colagogo; colerético; depurativo; diurético; emoliente; fungicida; hipoglicemiante; lenitivo; purificante; sudorífero; tônico; calmante; remineralizador; alterativo; antidiabético; antileucêmico; antifleumático; antipirético; antireumático; antitumoral; aperitivo; adstringente; bifidogênico; carminativo; citoprotetor; demulcente; desmutagênico; desintoxicante; digestivo; hepatotônico; imunoestimulante; linfotônico; prébiótico; estomáquico; uterotônico; gastro-estimulante; hipocolesterogênico; imunomodulador; lipolítico; febrífugo; digestivo; antioxidante; hepatoprotetor; antibiótico.

Indicações (Uso Interno): bronquite; para afecções do trato genital; anemia, artrite; atua sobre estafilococos e estreptococos; cálculos urinários; muco estomacal e intestinal; caspa; cólica nefrítica; cólicas biliares; prisão de ventre; dermatites descamantes; dermatoses purulentas; dermatite seborréica; auxiliar no trato da diabetes; doenças crônicas da pele; doenças infecciosas; enfermidades cardíacas e do fígado; furunculoses; gastrite; gota; hemorróidas; herpes simples; hidropsia; lepra; psoríase; tonificação da pele; auxilia em reumatismos; torções; tumores; para intoxicações; eliminação de metais pesados; alergias em geral; incontinências; dismenorréia; protege o fígado principalmente contra os efeitos do álcool e demais substâncias tóxicas; tonsilites; faringites; para tosse com catarro amarelo; rubéola; impotência; tinha; artrose; cisto sinovial; tenossinovite; colecistite; fraturas de ossos; lesão traumática dos meniscos; impetigo; dermatomicoses; ácido úrico; adenopatias; alopecia; cálculos biliares; câncer de mama, cólon, joelho, fígado, lábio, estômago, língua, útero; cancro; resfriado; gripe; impotência; leucorréia; escrófula; ciática; catapora; picada de cobra; sífilis; úlcera; uretose; vertigem; retenção de líquidos; hidrata os intestinos; icterícia; acalma os nervos; epilepsia; flatulência; sarampo; impotência sexual.

Indicações (Uso Externo): estimula o couro cabeludo e acalma dor e inchaço das picadas de insetos, acne, eczema; cicatrização de feridas e ulcerações; escabiose; micoses de unha; dermatites descamantes; dermatite seborréica; dermatoses purulentas; urticárias; erisipelas; dermatomicoses; joanete; cistos; verrugas; psoríases; pele oleosa; em tratamentos capilares de queda de cabelos escuros; abscessos; afecções da pele; furúnculos; tinha; sarna.

Indicações Pediátricas: desaconselhado uso interno a não ser como alimento.

Utilizações na MTC: elimina umidade, fleuma e frio; promove a desintoxicação do corpo; elimina umidade-fleuma-calor; elimina calor tóxico do corpo; para vazio do Qi do Rim; para estagnação do Qi do Útero; para expulsar invasão de vento-calor externo com formação de eczemas; para vazio do Qi do Baço; plenitude calor do Baço, Estômago, Pulmão e Intestino Grosso. Elimina calor tóxico do Pulmão e do Estômago. Erva integrante da fórmula chinesa Zhu Ye Liu Bang Tang para tratamento de falta de circulação de Qi no pulmão, irritabilidade, catarro, inquietude, raches, desintoxicação e limpeza de calor interno.

Classificação da Erva na MTC: Categoria 1 – Ervas para induzir transpiração ● Categoria 2 – Ervas para calor excessivo dentro do corpo ● Categoria 5 – Ervas para reduzir a umidade do corpo ● Categoria 10 – Ervas para suprimir tosse e reduzir catarro ● Categoria 19 – Ervas para úlceras e tumores ● Categoria 20 – Ervas para aplicações externas.

Elemento predominante na MTC: Madeira.

Atuação nos Canais: F, VB, P, B, E, I.G, BP e R.

Ayurveda (Ação nos doshas): reduz Pitta e Kapha, aumenta Vata.

Rasa: amargo.

Virya: fria.

Vipaka: picante.

Informações em outros sistemas de saúde: planta muito utilizada por adeptos da dieta macrobiótica.

Aromaterapia: o óleo essencial não tem aplicações na aromaterapia, porém é empregado como para eliminar caspa aplicado sobre o couro cabeludo ou utilizado para produzir pomadas para feridas e promover cicatrização.

Floral:FLORAIS DAS PLÊIADES - ansiedade, medo e preocupação pelo futuro; baixa imunidade; insônia ou sono fragmentado; dificuldade de respiração; falta de concentração para meditar ou estudar. Item componente das fórmulas compostas da Coragem, Sabedoria, Serenidade e da Purificação.

Homeopatia: utilizada em afecções dermatológicas (acne, furúnculo, eczema do couro cabeludo) e nos bloqueios do metabolismo.

Contra-indicações: proibida na gestação; evitar uso infantil; evitar em diarréias crônicas; evitar usar em abscessos já drenados; uso externo pode provocar irritação cutânea e ocular em uso local. Uso excessivo pode causar dilatação da pupila e secura da boca. Evitar em casos de frio no estômago e quando houver excesso de sudorificação.

Interações medicamentosas: pode entrar em conflito com medicamentos hipoglicemiantes.

Uso Veterinário: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Cultivo:

Planeta regente: utilizada em problemas de saúde relacionados à Lua em Capricórnio, Marte e Capricórnio, Marte em Aquário, Júpiter em Capricórnio. Planta regida por Vênus.

Indicações energéticas ou mágicas: mergulhe uma mão cheia de erva em um balde com água para lavar o chão: isso afasta a negatividade, purifica e protege. Paracelso em sua Botânica Oculta diz desconhecer as propriedades mágicas da planta.

Habitat: originária da Europa e da Sibéria, a Bardana chegou ao Brasil com os imigrantes japoneses.

Informações clínicas e/ou científicas: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Descrição botânica: é uma planta de porte herbáceo, medindo cerca de 100-150 centímetros de altura; possui folhas alternas, pecioladas, onde as inferiores são cordiformes (em forma de coração) e as superiores são ovaladas; flores de cor púrpura reunidas em capítulos grandes dispostos em corimbos na extremidade do caule e dos ramos; o fruto é um aquênio com papilho de pêlos muito caducos; raízes napiformes, chegando a pesar 400 gramas e a ter 45 centímetros de comprimento, de sabor amargo e açucarado e que muitas vezes é confundida com a raiz da beladona.

Toxicidade: o aparecimento de uma descompensação tensional pode ser possível devido à eliminação de potássio, podendo ocorrer uma potenciação do efeito dos cardiotônicos. Não é recomendado o uso interno para crianças, apenas nas doses culinárias. Informações equivocadas alegam que no caule da planta existe uma substância tóxica chamada atropina devida a contaminação com a Belladonna, porém a planta de fato não contém esta substância de forma natural e novos incidentes de contaminação com Belladonna nunca mais foram reportados.

Colaboradores: RODRIGO SILVEIRA - consultor em fitoterapia, professor e criador do ERVANARIUM • http://www.ervanarium.com.br/profissional/8/rodrigo-silveira

Observações: deve se iniciar uso com baixas dosagens e aumentar progressivamente para que o organismo possa se adaptar. Pode haver reações de limpeza do organismo. FRUTO: Sudorífica, antitérmica, antibacteriana, resolutiva, laxativa, expectorante. RAIZ: Antitérmica, depurativa, tônica, adstringente, resolutiva, diurética, anti-séptica, emoliente, uricosúrica, antibacteriana, litagoga. Rica em lignanas que protegem contra o câncer de mama e são moduladoras da imunidade. Do ponto de vista nutricional, esta raiz apresenta boas qualidades: fornece proteínas, glicídios, fibras, cálcio, fósforo, ferro, vitamina A, B1, riboflavina, niacina e vitamina C. Assim como todas as raízes, a bardana também é rica fonte de sais minerais.

Fontes de pesquisa: http://www.plantamed.com.br/ • http://portugalparanormal.com/index.php?topic=45.0 • http://www.jardimdeflores.com.br/ERVAS/A15bardana.htm • http://www.oficinadeervas.com.br/detalhe.php?id_produto=460&p=bardana • Apostila de Fitoterapia Chinesa - Prof. Antonio de Bortolli - Delta Educação • IFT - Índice Terapêutico Fitoterápico - EPUB • Master your metabolism - the all natural (all herbal) way to lose weight - Lewis Harrison - Sourcebooks INC • A cura pela natureza - enciclopédia familiar dos remédios naturais - Jean Aikenbaum e Piotr Daszkiewicz - Editora Estampa • A cura pelas plantas - Guacira Dias • A taste of heritage - crow indian recipes and herbal medicine - Alma Hogan Snell - Lincoln and London • La vuelta a los vegetales - Carlos Hugo Burgstaller Chiriani - Hacehtte • Plantas que curam - Enio Emmmanuel Sanguinetti - Editora Rigel • As plantas e os planetas - Ana Bandeira de Carvalho - Ed. Nova Era • Chinese Medicine - Modern Practice - Ping-chung Leung and Charlie Chang-li Xue - World Scientific • Botânica Oculta - Paracelso • Dandelion Medicine - Brigitte Mars - Storey Books • Vademecum de Fitoterapia - Pedro del Rio Pérez • Enciclopedia de plantas medicinales • Ervas do Sítio - Rosy L. Bornhausen - Bel Comunicação • Handbook of Medicinal Herbs - James A. Duke with Mary Jo Bogenschutz-Godwin, Judi duCellier, Peggy-Ann K. Duke - CRC Press • Herbal Manual - the medicinal, toilet, culinary and other uses of 130 of the commonly used herbs - Harold Ward - L.N. Fowler & Co. Ltda • The Herbal Home Remedy Book - simple spices for tinctures, teas, salves, tocins and syrups - Joyce A. Wardwell - Storey Books • Herbs for Healthy Skin, Hair and Nails - Brigitte Mars - Keats Publishing Inc • Herbs for the Heart - C.J Puotinen - NTC Comtemporary • Indian Medicinal Plants - C.P Khare - Springer • Medicinal Plants in Folk Tradition - an ethobothany of Britain and Ireland- David E. Allen & Gabrielle Hatfield - Timber Press • Propiedades y funciones de las plantas en la medicina china. pdf • Segredos e virtudes das plantas medicinais - Seleções do Readers Digest • Atlas de Fitoterapia • A vida cura a vida - Pe. Paulo Wendling - Paulinas • 100 Plantas para viver até os 100 anos - Anônimo - PDF •



REDES SOCIAIS

ERVANARIUM
contato@ervanarium.com.br




© Copyright 2013 - Todos os direitos reservados à Ervanarium